Clássicos para noivos – O Black Tie e a modernidade

Bem menos formal do que a Casaca, (White Tie), os Smokings, também conhecidos por Black Tie, são um traje masculino semi-formal que em sua tradição exigem; um casaco com lapelas de seda ou cetim, calças feitas com o mesmo material da lapela e ajustadas ao tornozelo, (sem passantes para cintos), camisa branca, suspensórios, colete ou faixa preta, gravata preta, meias pretas e um clássico sapato preto de verniz.

Tradicionalmente, as únicas cores apropriadas para qualquer evento são o preto ou o azul profundo. Mas com a popularização da vestimenta e suas muitas vertentes da moda, os inflexíveis Black Tie se tornaram de outras cores, adquiriram um toque moderno com gravatas variadas e coloridas, perderam os lenços e ganharam flores na lapela.


Cores nada óbvias

Com cara de século 21 e não de 1860. Os brancos modernos e intemporais, mas ainda sim, clássicos, são perfeitos para uma ocasião diurna.


Cara de terno, mas corte de smoking

Detalhes em seda na lapela para um smoking cinza carvão ou cinza claro.


Fugindo do tradicional

Combinando cores com corte tradicional para criar um novo visual arrojado e de um azul não tão marinho.


Seja para o outono, inverno, primavera ou verão, com ajustes modernos e corte slim; o smoking é um clássico elegante e que combina lindamente com qualquer celebração sofisticada.

Ternos: Generation Tux | Fotografias: 01 e 06 Christopher Scheurich | 03 Aurelia D’Amore

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: